AGQ Brasil | O que é e qual é a função de um diagnóstico ambiental?
18338
post-template-default,single,single-post,postid-18338,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,translatepress-pt_BR,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive
 

O que é e qual é a função de um diagnóstico ambiental?

O que é e qual é a função de um diagnóstico ambiental?

O diagnóstico ambiental é uma ferramenta essencial para organizações cujos empreendimentos possam exercer impactos no meio ambiente.

 

 

Toda organização, independentemente de seu segmento de atuação, porte ou perfil corporativo, exerce algum tipo de impacto nos contextos em que atua. Este impacto pode ser econômico, social, cultural, tecnológico e ambiental, por exemplo, ou um pouco de cada aspecto. Neste sentido, um fator marcante em organizações engajadas é a preocupação com os impactos causados por sua operação.

 

Sobretudo no âmbito ecológico, estar atento aos tipos, níveis e possíveis efeitos dos impactos gerados a curto, médio e longo prazo não é uma questão de escolha, mas de necessidade. Além de atender à legislação vigente e garantir o atendimento a normas e princípios sustentáveis, as organizações precisam, cada vez mais, zelar pelo futuro do planeta. Uma das ferramentas corporativas disponíveis para auxiliar nessa tarefa desde as fases iniciais é o diagnóstico ambiental.

 

O que é um diagnóstico ambiental?

 

De forma bastante objetiva, o diagnóstico ambiental pode ser definido como uma ferramenta de suporte que faz parte do estudo de impacto ambiental. Nesta etapa, os recursos e iniciativas da organização serão analisados para que, a partir disso, seja possível definir se os impactos causados no meio ambiente possivelmente serão, em sua maioria, positivos ou negativos.

 

Por meio de uma análise aprofundada, o diagnóstico avalia diversos possíveis danos e efeitos que determinado empreendimento pode causar, indicando, assim, sua viabilidade ecológica ou a necessidade de adequações para mitigar ou atenuar os impactos. Justamente por possuir um perfil estratégico e direcional, o diagnóstico ambiental deve ser desenvolvido na etapa de planejamento, antes do início de execução das obras.

 

Para que serve um diagnóstico ambiental?

 

A função prática de um diagnóstico ambiental não é simplesmente mapear riscos e impactos ecológicos da operação, mas direcionar uma ação mais assertiva e sustentável. Ao obter ciência dos riscos eventuais de determinada ação no meio ambiente, as equipes envolvidas no projeto, em parceria com a organização responsável pela elaboração do diagnóstico, devem adequar todos os pontos necessários.

 

Assim, quando realizado corretamente, o diagnóstico ambiental pode servir para evitar multas e outras punições posteriores, prevenir acidentes ambientais, contribuir para a imagem institucional da organização e para sua credibilidade enquanto empresa consciente.

 

Por meio de diagnósticos bem executados, é possível promover uma integração positiva e equilibrada entre desenvolvimento econômico e preservação ambiental. Foto: Pixabay / reprodução

 

 

Sustentabilidade é uma palavra-chave para as organizações que desejam consolidar suas operações no novo contexto global. É fundamental transmitir, por meio de ações, os valores e propósitos da marca junto ao mercado e à sociedade, e uma das maneiras de fazer isso é com atenção e cuidado com as questões ecológicas.

 

Portanto, se sua organização necessita de suporte para elaboração, monitoramento e supervisão ambiental, ou ainda para o desenvolvimento de projetos e programas específicos, conte com o suporte de especialistas. A AGQ Brasil possui metodologia consolidada e mais de uma década de experiência em auxiliar negócios e pessoas a irem mais longe, com mais qualidade e melhor desempenho. Saiba mais sobre nós.

 

 

Leia também: